Apartamento no térreo: as vantagens e desvantagens

Após um longo planejamento, finalmente, chegou o momento de comprar a tão sonhada casa própria.

Todos os detalhes já foram decididos: a localização, o orçamento disponível e as necessidades da família.

Mas, na hora de “bater o martelo”, você se depara com uma dúvida — “será que vale a pena comprar um apartamento no térreo?”.

Nesse momento, muitos compradores ficam extremamente indecisos, já que esse tipo de unidade conta com inúmeras vantagens, mas também, algumas desvantagens que podem pesar no dia a dia dos seus moradores.

Estamos aqui para auxiliá-lo em todas as etapas dessa realização.

Por isso, criamos este post com os pontos positivos e negativos que valem a pena ser notados durante essa escolha. Anote todos eles e siga o melhor caminho!

As vantagens de um apartamento no térreo

Para começar, abordaremos as vantagens do apartamento no térreo.

Já adiantamos que existem muitos detalhes interessantes ao optar por essa modalidade. Veja quais são eles.

Preço atrativo

Adquirir uma nova propriedade é um investimento alto, já sabemos bem.

Porém, o lado bom do apartamento no térreo e que o seu valor costuma ser mais baixo, especialmente em comparação às unidades localizadas em andares elevados.

A regra é uma só: quanto mais alto o andar, maior será o valor do imóvel.

Segundo os especialistas, essa diferença pode ser de até 35%, sendo uma excelente pedida para quem possui um orçamento apertado e deseja fechar um negócio de bom custo-benefício.

Acesso facilitado

Quem, em algum momento, já morou em andares altos, deve saber que o acesso pode ser um tanto complicado — ainda mais, quando precisamos descarregar compras, realizar uma reforma ou fazer uma mudança.

Com o apartamento no térreo, esse problema não existe.

Ao se mudar para esse tipo de unidade, será possível trocar a mobília e realizar qualquer outra atividade com total praticidade, uma vez que não haverá escada ou elevador para atrapalhar a tarefa.

Fato este que também acaba sendo muito vantajoso para as famílias que possuem crianças pequenas, idosos ou pessoas com restrições de mobilidade.

Para entrar em casa, a sua única tarefa será estacionar o automóvel perto da entrada e se dirigir até a porta.

Espaço de sobra

O que boa parte dos compradores desconhecem, é que o apartamento no térreo pode contar com áreas extras em suas dependências.

Em linhas gerais, são os populares “espaços privados”, localizados na parte externa da unidade e que permitem que os seus moradores aproveitem esse diferencial de inúmeras maneiras.

Alguns, por exemplo, decidem transformá-lo em uma pequena área de lazer privativa, com gramado e móveis para receber os convidados.

Já outros, desfrutam do local para montar hortas, abrigar os seus pets ou, até mesmo, construir uma churrasqueira compacta.

O céu é o limite!

As desvantagens de um apartamento no térreo

Como nem tudo são flores, infelizmente, o apartamento no térreo possui algumas desvantagens.

O ideal é analisar cautelosamente cada uma delas e ponderar se elas podem — ou não — prejudicar o seu dia a dia a longo prazo.

Menos privacidade

Os apartamentos no térreo, como o nome já diz, ficam localizados logo na entrada de um edifício.

Lá, diariamente, passarão moradores e funcionários próximos à sua porta — fato este, que poderá causar um certo incômodo entre os indivíduos que prezam pela privacidade.

Tal detalhe também exigirá que você tome alguns cuidados extras relacionados à segurança.

Instalar fechaduras mais resistentes e investir em cortinas grossas para bloquear a visão dos curiosos são alguns deles.

Ainda assim, esse não é nenhum problema grave e que não possa ser contornado para que a sua família tenha mais tranquilidade.

Mais ruídos

Consequentemente, é provável que você escute mais barulhos ao se mudar para um apartamento no térreo.

Aqui, é preciso considerar que muitas pessoas passarão perto de sua porta e, até mesmo, alguns eventos realizados nas dependências do condomínio poderão produzir ruídos em diferentes momentos.

Isso sem contar os movimentos da rua, como o som de carros, motos e buzinas.

Mais uma vez, o cenário pode ser minimizado.

Se a vontade é adquirir o espaço e, mesmo assim, ter total tranquilidade, considere instalar janelas anti-ruídos, além de mantê-las fechadas sempre que a poluição auditiva estiver alta.

Com essa leitura, esperamos que tenha ficado fácil identificar se o apartamento no térreo é uma boa opção para o seu investimento.

Caso ainda tenha dúvidas, deixe seu comentário abaixo!

O nosso time de especialistas está pronto para atendê-lo e acompanhá-lo nas tomadas de decisão mais importantes da sua vida.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *